Urgente: Trump autoriza ‘protocolos iniciais’ da transição do Governo para Biden

PUBLICIDADE

“Façam o que for necessário em relação aos protocolos iniciais”, disse Trump.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, autorizou, nesta segunda-feira (23), que seja “feito o que precisa ser feito” em relação “aos protocolos iniciais” da transição para um possível governo do democrata Joe Biden.

Emily Murphy, chefe da Administração de Serviços Gerais (GSA), agência federal dos EUA responsável pela transição, enviou uma carta à equipe do democrata para “disponibilizar recursos e serviços” relacionados ao processo.

No texto, Murphy declarou que estava sendo ameaçada para tomar a decisão de forma prematura:

“Recebi ameaças dirigidas à minha segurança, minha família, minha equipe e até a meus animais de estimação, no esforço de me coagir a tomar essa decisão prematuramente.”

Ela acrescentou:

“Eu levo esta função a sério e, por causa da questões recentes envolvendo desafios legais e certificações de resultados eleitorais, estou enviando esta carta hoje para disponibilizar esses recursos e serviços a vocês.”

Horas depois, em mensagem no Twitter, Trump disse que Murphy foi “assediada, ameaçada e abusada”:

“Quero agradecer a Emily Murphy, da GSA, por sua constante dedicação e lealdade ao nosso país. Ela foi assediada, ameaçada e abusada – e não quero que isso aconteça com ela, sua família ou funcionários do GSA.”

Mesmo com a sinalização para o início de uma transição entre governos, Trump não reconheceu a vitória de Biden, e enfatizou que continuará com as acusações de fraude eleitoral nos tribunais.

Ainda na rede social, o chefe da Casa Branca acrescentou:

“Nosso caso continua FORTEMENTE, vamos manter o bom combate, e acredito que vamos vencer!”

Trump completou:

“No entanto, no melhor interesse do nosso país, estou recomendando que Emily e sua equipe façam o que for necessário em relação aos protocolos iniciais, e disse à minha equipe para fazer o mesmo.”

*Renova Midia

Compartilhe isso:

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *