Pazuello cancela reunião com Doria após fala sobre obrigatoriedade da vacina

PUBLICIDADE

Cancelamento acontece após governador dizer que vacina será obrigatória em SP

O ministro da Saúde Eduardo Pazuello pretende cancelar a reunião desta quarta-feira (21) com o governador de São Paulo, João Doria.

O encontro, marcado na sede do Ministério, em Brasília, teria como pauta a compra de 100 milhões de doses da vacina chinesa Coronavac pelo governo federal. A informação é da CNN Brasil.

Segundo fontes ouvidas pela emissora, Pazuello e os secretários da pasta devem se reunir ainda nesta semana com todos os governadores para discutir o calendário de vacinação, bem como a logística da imunização da população.

Por este motivo, não haveria necessidade de se realizar um segundo encontro apenas com Doria.

O cancelamento da reunião acontece logo após o presidente Jair Bolsonaro afirmar, em conversa com apoiadores, que a vacinação não seria obrigatória. A declaração de Bolsonaro surge em reação à fala de Doria de que a imunização seria obrigatória no estado de São Paulo.

– Meu ministro já disse claramente que não será obrigatória essa vacina. Tem um governador aí que esta se intitulando o médico do Brasil dizendo que ela será obrigatória. Repito que não será – alfinetou Bolsonaro.

*Pleno News

Compartilhe isso:

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *