Nave espacial da Nasa chega ao asteroide Bennu para descobrir como a vida começou na Terra

CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Uma nave espacial da Nasa chegou a um asteroide que as agências espaciais esperavam poder contar como a vida começou.

Osiris-Rex investigará o asteróide, conhecido como Bennu, em uma tentativa de descobrir de onde vieram os materiais que um dia criariam os humanos. As informações são do Independet 

A chegada foi o final de uma viagem de mais de dois anos em cerca de 80 milhões de quilômetros. Os engenheiros da Nasa aplaudiram e deram boas-vindas – usando um tipo especial de cinco lembretes do braço que um dia coletará uma amostra de Bennu – quando a espaçonave devolveu a mensagem de que havia chegado.

Bennu é um antigo asteróide, que se acredita ter se formado nos primeiros dias do sistema solar. Como tal, a rocha tem voado em torno do sistema solar por mais de 4,5 bilhões de anos.

Mas sua composição já foi estabelecida dentro de 10 milhões de anos após a formação do sistema solar. Isso significa que ele pode funcionar como uma cápsula do tempo, permitindo-nos dar uma olhada no passado distante de nossos planetas.

LEIA MAIS 

Ele foi escolhido dentre centenas de asteróides em potencial para a Nasa caçar e pousar, enquanto procuravam um mundo que pudesse nos dizer mais sobre como é.

É tão antigo que pode conter antigas moléculas orgânicas do tipo que poderiam ter ajudado a impulsionar a vida na Terra.

Osiris-Rex vai investigar essa pedra – do tamanho de um carro grande – antes de aterrissar nela. Depois disso, ele vai colher uma amostra do mundo, passando cerca de um ano lá – e esperamos trazer tudo de volta para a Terra em 2023.

Tópicos

Ciência e Tecnologia | Google News 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *