Marco Aurélio cancela entrevista com Augusto Nunes

PUBLICIDADE

O decano do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio, seria o entrevistado da edição de hoje do Direto ao Ponto, programa da rádio Jovem Pan apresentado por Augusto Nunes, colunista e conselheiro editorial da Revista Oeste.

Seria, pois o ministro desistiu de participar da atração. A desistência ocorreu após o magistrado ser criticado por conceder a liberdade a André do Rap, traficante do PCC.

Nunes afirmou que o integrante do Supremo havia confirmado participação na atração mesmo depois de ter ordenado a soltura do bandido que fugiu para o Paraguai, conforme acreditam investigadores da polícia de São Paulo.

O jornalista revelou no início na noite desta segunda-feira, 19, que Marco Aurélio avisou somente na sexta-feira que não iria mais conceder a entrevista — que estava acertada desde antes da edição de estreia de Direto ao Ponto.

“Fui surpreendido com uma mensagem no WhatsApp”, informou Nunes ao falar sobre a desistência do ministro do STF. “Falei que não seria uma entrevista sobre o André do Rap”, comentou o apresentador.

“Iríamos abordar o caso André do Rap, evidentemente, mas a entrevista daria espaço a outros temas”, explicou o jornalista, que não conseguiu reverter a decisão do magistrado.

Novo entrevistado

Sem Marco Aurélio, questões do Poder Judiciário deverão seguir em pauta no Direto ao Ponto. O programa conduzido por Augusto Nunes terá como entrevistado Carlos Ayres Britto.

Jurista, ele foi colega de tribunal do juiz que concedeu liberdade a um traficante do PCC. Ayres Britto integrou o STF de 2003 a 2012.

Compartilhe isso:

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *