Manda quem pode! Doria bate o martelo e anuncia retorno do Estado de SP à fase vermelha

PUBLICIDADE

Nos dias 25, 26 e 27 de dezembro e nos dias 1°, 2 e 3 de janeiro, o Estado de São Paulo retornará à fase vermelha do plano de contingência da covid-19.

A medida foi anunciada nesta terça-feira, 22, pelo governador João Doria (PSDB-SP), em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes.

A justificativa é “conter o avanço do coronavírus”. Dessa forma, somente comércios essenciais (como padarias, mercados e farmácias) poderão funcionar entre o Natal e o réveillon. Bares e restaurantes, por exemplo, ficarão fechados.

Além disso, durante o mês de janeiro, haverá uma “trava” que impedirá que o Estado avance à fase verde, que é mais branda nas medidas de isolamento.

Na segunda-feira 21, o jornalista e colunista de Oeste Augusto Nunes criticou durante o programa Os Pingos nos Is, da Rádio JovemPan, a forma como os governantes estão lidando com o surto do vírus chinês.

“O comportamento dos governantes diante da pandemia de coronavírus escancara a mediocridade dos líderes mundiais”, lamentou.

*Revista Oeste

Compartilhe isso:

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *