Connect with us

Líderes indígenas celebram presença de Ysani na ONU



Ultimas

Líderes indígenas celebram presença de Ysani na ONU

Ysani Kalapalo, que se declara como uma indígena do século 21, é parte integrante da comitiva do Brasil em direção à Assembleia Geral da ONU.

Lideranças indígenas do Brasil celebraram o convite do presidente da República, Jair Bolsonaro, à indígena Ysani Kalapalo para compor a comitiva que vai representar o país na Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU).

A associação dos produtores da Comunidade Volta do Teso (ASPROVOLT), localizada na terra indígena Raposa Serra do Sol, redigiu uma carta aberta dando apoio irrestrito a Ysani, informa o site Renews, em matéria compartilhada pelo ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, nesta segunda-feira (23).

Mauraiky Waiana, liderança da etnia Waiana, presidente da associação dos grupos indígenas da região de sua aldeia, declarou apoio a Ysani em vídeo.

O cacique Jair Miranha, da região do Médio Solimões, disse que a presença de Ysani na comitiva brasileira é uma conquista para os povos indígenas.

Henrique Terena, um respeitado líder indígena da região do Mato Grosso, também gravou vídeo em apoio a Ysani e ao presidente Bolsonaro.

A aprovação sobre a presença de Ysani Kalapalo na comitiva brasileira, no entanto, não é unanimidade entre os indígenas brasileiros.

Em nota divulgada, a Atix afirma que Ysani não foi indicada por nenhuma entidade representativa para compor a comitiva do governo. E acusa o Planalto de desrespeitar “povos e lideranças indígenas renomados do Xingu”.

No texto assinado por 14 caciques, a associação diz que a Ysani “vem atuando nas redes sociais para ofender e desmoralizar as lideranças e o movimento indígena no Brasil”.

Informação RENOVA.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Ultimas

Em alta

Advertisement

Facebook

POLITICA

To Top