Jaques Wagner do PT levou R$ 82 milhões da Arena Fonte Nova

LAVA JATO

Jaques Wagner recebeu a loteria da corrupção

De acordo com a delegada da Polícia Federal (PF) Luciana Matutino Caires,  que é a responsável pela Operação Cartão Vermelho, deflagrada nesta segunda-feira (26).

O ex-governador Jaques Wagner (PT-BA)  levou uma bolada, o petista ficou com “boa parte” do valor desviado do superfaturamento do estádio Arena Fonte Nova, em Salvador. O montante chega a soma de R$82 milhões de reais em propina e caixa dois, segundo a investigação.

LEIA MAIS

PT tenta lançar candidatura de LULA ao Nobel da Paz

+O plano para dar “induto a Lula” segue a todo vapor

+Senado gasta R$ 127 mil com viagem de petistas para a Coreia do Norte

O petista Jaques Wagner  foi governador  do estado entre 2007 e 2014. . A investigação mira irregularidades na contratação dos serviços de demolição, reconstrução e gestão do estádio da Copa 2014.

A Polícia Federal identificou que “a licitação que culminou com a Parceria Público Privada nº 02/2010 foi direcionada para beneficiar o consórcio Fonte Nova Participações – FNP, formado pelas empresas Odebrecht e OAS“.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *