Globo dá ‘passada de pano’ histórica no caso Marcius Melhem e deixa os telespectadores em profundo ódio

PUBLICIDADE

Criou-se uma grande expectativa para a edição do Fantástico deste domingo, dia 6 de dezembro, para a veiculação de reportagem sobre a acusação de assédio cometido pelo ator, roteirista e diretor Marcius Melhem contra a atriz Dani Calabresa.

A narrativa do crime foi divulgada na sexta-feira após reportagem da Revista Piauí. O assédio sexual teria acontecido nos bastidores de uma festa comemorativa do Zorra, um dos principais programas humorísticos que já passaram pela casa.

O telespectador da Globo acabou se frustrando, pois em momento algum a revista semanal da emissora carioca tocou no assunto.

A atitude, inclusive, vem sendo reiteradamente tomada pelo departamento de jornalismo da Globo envolvendo o caso.

A possível justificativa encontrada por muitas pessoas reside no fato de Marcius Melhem ter sido um importante executivo da emissora carioca ao longo destes últimos 17 anos em que prestou seus trabalhos como humorista. O seu último cargo foi de diretor do Departamento de Humor, sendo responsável direto ou indireto pelas últimas atrações na casa.

Emissoras concorrentes diretas, como a CNN Brasil e a RecordTV, reservaram parte de suas respectivas programações para noticiarem o caso de assédio sexual que teria sido cometido por Marcius Melhem. A omissão da Rede Globo repercute nas redes sociais, com internautas acusando-a de passar pano frente ao possível crime.

Cabe lembrar que em 2017, quando o ator José Mayer foi alvo de acusações semelhantes, o Jornal Nacional, principal telejornal da casa, exibiu uma reportagem com cerca de 5 minutos sobre o caso. À medida que a notícia começa a ficar defasada, maiores são os indícios de que a Rede Globo manterá o caso silenciado, sem manifestação sobre o assunto.

As informações são do 1 News.

Leia Mais:

Compartilhe isso:

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *