JUSTIÇA

Gilmar solta dois presos da Lava Jato do Rio

Redação Publica Brasil
Escrito por Redação Publica Brasil em agosto 21, 2019
Gilmar solta dois presos da Lava Jato do Rio
Junte-se a os outros

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, determinou, na terça-feira (20), a liberdade de dois presos pela Operação Lava Jato no Rio de Janeiro.

O doleiro Júlio Cesar Pinto de Andrade Paulo César Haenel, ex-executivos do Banco Paulista, estão proibidos de deixar o Brasil.

As prisões haviam sido determinadas pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio.

Os dois foram alvos da “Operação Câmbio, Desligo“, desdobramento da Lava Jato, que apura um amplo esquema de lavagem de dinheiro público desviado no Rio.

Segundo o site G1, nos dois casos o magristrado determinou a liberação, mas ordenou:

  • pagamento de fiança no valor de R$ 200 mil;
  • proibição de se ausentar do país, mediante a entrega de todos os seus passaportes em até 48 horas;
  • proibição de manter contato com os demais investigados.

Leia Mais:

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 Replies to “Gilmar solta dois presos da Lava Jato do Rio”

nelfon jose hilbig

Sujeito mais odiado do País,…Porco imundo

pereira s cezar

STF, SEN. ANA AMÉLIA O FIM DO MANDATO VITALICIO
@SCezarp
STF mandato: 5 anos renovável sob meritocracia,
Só concurso ( fim nomeações espúrias);
só magistrados (não ‘rábulas’);
Não inimputáveis;
fim punição com aposentadoria ( excrescência).
Fim do mandato vitalício (eterno)!