Connect with us

EUA volta usar pena de Morte



Ultimas

EUA volta usar pena de Morte

O Governo americano anuncia retomada do uso da pena de morte após intervalo de 16 anos

INTERNACIONAL – O departamento de Justiá dos Estados Unidos anunciou que o país voltará usar a pena de morte para quem cometer crimes graves.

Este tipo de punio no o é é utilizado pela justi-a americana há 16 anos.

O cancela um tipo de moratória á pena de morte federal, apesar de ser condenadoem ao corredor da morte, como execuáes no eram realizas.

Agora com a decisáo, já foram agendadas 5 mortes para dezembro e janeiro.

"O Congresso autorizou expressamente a pena de morte por meio de legislación adotada peloss representante do povo nas duas casas do Congresso e assinada pelo presidente"

Disse o secretário de Justiá, William Barr, em comunicado.

E completou:

"O Departamento de Justi'a defende o Estado de Direito —e nós devemos és vítimas e suas famílias levar adiante a senten-a imposta pelo nosso sistema de Justiá".

Donald Trump quer o uso frequente da pena de morte

O presidente dos EUA, Donald Trump, pediu que a pena de morte seja usada com mais frequéncia.

Ele quer que seja aplicada a puni-o para presos por tráfico de drogas e atiradores responsáveis por masacres.

¿Quem serao os primeiros?

Entre os presos que seencuentra mosto executados esque o racista Daniel Lewis Lee, que foi em Arkansas por assassinar uma família de tr's pessoas, incluindo uma menina de oito anos.

Outro dos cinco Lezmond Mitchell, considerar culpado por um júri no Arizona de esfaquear uma avó de 63 anos e fora jovem neta a se sentar ao lado de seu corpo sem vida em uma viagem de carro antes de cortar a garganta da garganta.

"Cada um desses presos esgotou seus chances de apelación e pósóo", diisse o departamento, acrescentando que todas las como execuáes ocorreráo na penitenciária de Terre Haute, no hay estado de Indiana.

Como informas s'o da Agencia Reuters/ Washington

LEIA MAIS

Continue Reading
You may also like...
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Ultimas

Em alta

Advertisement

Facebook

POLITICA

To Top