‘Crianças de zero a 18 anos não devem ser encarceradas’, diz presidente de comissão da OEA

Um absurdo esse negocio de ‘Direitos Humanos’ vocês acreditam que a presidente da Comissão Interamericana de Direitos Humanos, Margarette May Macaulay, afirmou nesta segunda-feira (5) que na opinião da entidade “crianças de zero a 18 anos” não devem ser encarceradas?

Pois é…

Segundo o G1, Margarette Macaulay deu a declaração em Brasília, após se reunir com o presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli. Ela foi questionada sobre propostas que visam reduzir a maioridade penal.

“A Comissão Interamericana de Direitos Humanos segue o padrão internacional de respeito à infância, em que pessoas de 16 anos são definidas como crianças. […] Crianças de zero a 18 anos não devem ser encarceradas, a não ser em circunstâncias extremas” disse.

O que nos pesamos sobre o assunto:

Para Margaratte  para a entidade a prisão só deve ocorrer em situações extremas, então nos nos perguntamos, o que seria extremo para a entidade?

Assalto a mão armada, latrocínio ou assassinato? Porque não é isso que vemos no Brasil o tempo todo e crimes como estes tem sido considerado coisa de ‘criança rebelde’  praticamente e não como crime hediondo de fato.

As ‘Crianças’ que cometem crimes  no Brasil são capazes de fazer outras crianças, e podem muito bem responder pelos atos que cometem contra a sociedade.

Estamos no Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *