A votação das eleições em São Paulo definiu os 55 vereadores que vão compor a Câmara Municipal a partir de 2021. Entre os eleitos estão pessoas famosas. Mas também há personalidades que não conseguiram se eleger e há ainda aqueles que estão como suplentes.

Suplente é aquela pessoa que não conseguiu o número de votos necessários para se eleger vereador, mas poderá assumir provisoriamente uma cadeira na Câmara quando o titular for afastado.

NÃO ELEITOS

1.ADEMIR DA GUIA, MDB – 744 Votos – Anulado sob júdice

Ídolo do Palmeiras nos anos 70, Ademir da Guia tem 76 anos e é um veterano em eleições. Ele já disputou uma vaga para deputado estadual pelo PHS e foi eleito vereador em São Paulo pelo PCdoB em 2004.

2.ANDREA CAPITULINO, PSL – Anulado sob Júdice, 58 votos

Rainha de bateria da Acadêmicos do Tatuapé desde o Carnaval de 2018, Andrea Capitulino é empresária e musa fitness. Ela posou nua para a “Revista Sexy” em 2019.

3. NAHIM – Anulado sob Júdice – 9 votos

Famoso nos anos 80 por hits como “Dá Coração”, “Coração de Melão” e “Taka Taka”, o cantor Nahim frequentava programas de auditório e foi grande vencedor do quadro Qual É a Música? no Programa Silvio Santos do SBT.

Em 2019, foi preso em São Paulo por descumprir uma medida protetiva contra a ex-esposa.

4.NENÉM, PROS – 827 votos

Da dupla coma irmã gêmea Pepê, fez sucesso nos anos 2000 com hits como “Mania de você”. Elas acusam um ex-empresário de golpes e dizem que por causa dele voltaram ao anonimato e pobreza. As duas assumiram a homossexualidade publicamente em 2012.

Em 2017, elas declararam apoio ao então deputado federal Jair Bolsonaro em vídeo publicado nas redes sociais dele, onde se posicionaram contra a demonstração de afeto em público por parte de casais homossexuais. A declaração gerou indignação na comunidade LGBTQIA+.

5. SONINHA FRANCINE, CIDADANIA – 13.338 votos

Sonia Francine Gaspar Marmo, de 53 anos, é uma jornalista, apresentadora de televisão e política brasileira. Nasceu em São Paulo e se formou em cinema pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (USP). Ficou conhecida nacionalmente como a VJ Soninha Francine da MTV Brasil.

Soninha foi eleita vereadora em São Paulo para o período de 2016 a 2020. À época, chegou a ser secretária da Assistência Social do governo do então prefeito João Doria (PSDB). Mas ele próprio a demitiu depois por vídeo.

Soninha, que tentava a reeleição, comentou nas suas redes sociais como se sentiu ao não conseguir outro mandato como vereadora em 2021.

“Amo muito ser vereadora. Pensei muito, nos últimos dias, ‘se não me eleger, ao menos sei que fiz(emos) tudo que era possível na campanha’. E me orgulho muito do mandato, juro que foi foda. Vou continuar trabalhando muito, onde quer que eu esteja”, escreveu em seu Twitter.

6.AGRIPINO MAGALHÃES, PSB – 607 votos

Ativista LGBTQIA+ e defensor da causa animal, Agripino Magalhães disputou as eleições em 2018 como candidato a deputado estadual pelo PSB, quando também havia se tornado suplente.

7.CELINHO FAT FAMILY, PTB – 919 votos

Vocalista ao lado de seus irmãos do conjunto musical brasileiro Fat Family, famoso no final década de 90 pelas suas vozes sincronizadas, agudas e graves. Inspirados por cantores norte-americanos como Whitney Houston e James Brown, o grupo atraiu notoriedade também pela sua “coreografia do pescoço”. Celinho costumava ensinar para o público como se fazia a coreografia.

8.CHIQUINHO SCARPA, PSD – 1.177 votos

O playboy é famoso por suas excentricidades e sempre figurou nas páginas de revistas e colunas sociais. Em 2013, dizendo-se inspirado no costume dos faraós de enterrar suas riquezas para acompanhá-los após a morte, ele enterrou um carro da marca Bentley avaliado na época em R$ 1 milhão. Depois, revelou que não passava de uma ação de marketing para estimular a doação de órgãos.

Chiquinho já havia se candidato antes a vereador pelo PRB em São Paulo. Mas com 5.140 votos, não se elegeu para a Câmara em 2016.

9.CLÓVIS BASÍLIO DOS SANTOS, KID BENGALA – PTB – 956 votos

Famoso ator pornô, Kid Bengala já teve 1.095 votos na disputa pelo cargo de deputado estadual em São Paulo em 2014. À época, concorreu pelo PRB.

10.DIEGO HYPÓLITO, PSB – 3.786 votos

Diego Hypólito é um ex-atleta brasileiro que competiu em provas de ginástica artística como membro da seleção brasileira. Ele foi bicampeão mundial do solo. Encerrou a carreira nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2018. Aos 34 anos, se candidatou ao cargo de vereador pelo PSB.

11.EX-JOGADOR DINEI, REPUBLICANOS – 2.960 votos

Esta foi a sexta vez que o ex-jogador do Corinthians Dinei tentou se eleger num cargo público: 2004, 2008, 2010, 2012, 2014 e agora em 2020. Em 2012, concorreu ao cargo de vereador pela cidade de São Paulo, teve 9.243 votos e não foi eleito.

12.FÁBIO ARRUDA, PSL – 809 votos

Fábio Arruda é um consultor de etiqueta brasileiro que ficou famoso ao participar de programas do gênero na televisão brasileira.

13.FELIPE FRANCO, PODEMOS – 18.848 votos

Atleta fisiculturista e ex-marido da musa fitness e apresentadora de TV Juju Salimeni. Felipe Franco teve o esporte como uma de suas bandeiras de sua primeira campanha.

14.LEILIANE MULHER MARAVILHA, PL – 2.711 votos

O nome de urna é referência à homenagem que recebeu em 2019 após ajudar a socorrer o motorista de um caminhão atingido pelo helicóptero em que estava o jornalista Ricardo Boechat, na Rodovia Anhanguera.

O vídeo em que Leiliane aparece tentando abrir a porta da boleia do caminhão em chamas e todo retorcido viralizou. E ela foi comparada à personagem Mulher Maravilha, dos quadrinhos.

15.MAJOR PALUMBO, PP – 29.086 votos

Porta-voz do Corpo dos Bombeiros, é a primeira vez que Major Palumbo, de 45 anos, se candidata a um cargo público. Tem experiência de 26 anos em emergências de resgate e salvamento nos bombeiros.

Ele teve 29.096 votos, ficando como suplente pelo Partido Progressista.

16.MARCELINHO CARIOCA, PSL – 7.574 votos

Ex-jogador que foi ídolo no Corinthians, Marcelo Pereira Surcin é figura carimbada nas eleições. Foi candidato a deputado federal (2010) e vereador (2012) pelo PSB, deputado estadual (2014) pelo PT, e vereador (2016) pelo PRB. Em 2018, concorreu a uma vaga para deputado estadual pelo Podemos e teve pouco mais de 28 mil votos.

Em abril de 2018, Marcelinho Carioca deixou o cargo de secretário de Esportes e Lazer na Prefeitura de Ubatuba, no litoral norte de São Paulo, para disputar as eleições.

17.MAURREN MAGGI, DEM – 6.228 votos

Única brasileira a conquistar uma medalha de ouro de atletismo em uma Olimpíada, Marren Higa Maggi foi a aposta do PSB para concorrer a uma vaga no Senado em 2018, mas não foi eleita.

Maurren foi ouro no salto em distância nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008. Ganhou também três medalhas de ouro em Jogos Pan-Americanos.

18.PEDALA ROBINHO, MDB – com 213 votos

Nestor Bertolino Neto é anão e ex-integrante do programa “Pânico na TV”. Ele ficou conhecido pelo apelido “Pedala, Robinho”, em referência ao ex-jogador do Santos, Robinho.

19.RENATA BANHARA, REPUBLICANOS – 3.415 votos

Renata ficou conhecida no final dos anos 90 por suas participações no quadro “Banheira do Gugu” do Domingo Legal. Ela já posou nua e participou de um reality show.

No Carnaval de São Paulo de 2001, desfilou por 8 horas por noite e em 14 escolas de samba do Grupo Especial, tendo seu nome registrado no Livro Guinness dos Recordes.

Nas eleições de 2018, foi candidata pelo PRB ao cargo de deputada federal em São Paulo, com 12.659 votos, não foi eleita. À época, Banhara recebeu o convite de seu amigo Celso Russomanno.

Em junho de 2019, foi nomeada ao cargo de assistente parlamentar na Assembleia Legislativa de São Paulo, no gabinete do deputado estadual Wellington Moura do PRB.

Nos últimos anos, Renata dividiu em suas redes sociais o seu tratamento contra uma infecção no cérebro.

20.RENATA PERON, PODEMOS – 678 votos

Militante LGBTQIA+, foi alvo de skinheads em 2007 e perdeu um rim durante a agressão. Paraibana, mudou-se para São Paulo em 2004, quando adotou o nome Renata Peron.

Renata do latim “renascida”, e Peron, do filme “Evita”, que conta a história de Eva Perón, primeira-dama argentina da década de 40, interpretada no filme por Madonna.

21.VICTOR MIONZINHO, NOVO – 2.171 votos

Ator, ficou conhecido como sósia do apresentador Marcos Mion na MTV, daí o apelido Mionzinho. É publicitário e empresário.

*Terra Noticias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Talvez você queira saber disso

CORRUPÇÃO NO CEARA: 1 milhão escondidos na cueca do irmão do prefeito (PSD) para comprar votos

Na manhã deste sábado (28), a Polícia Civil prendeu, em Caucaia, na…

A queridinha dos lacradores perde eleição em Porto Alegre

Com 97,79% das seções apuradas, foi eleito o candidato à Prefeitura de…

PT no fundo do poço

Derrota amarga! PT fica sem nenhuma capital pela 1ª vez Com a…

Prefeito petista aumenta próprio salário após se reeleger

O prefeito da cidade acreana de Mâncio Lima, Isaac Lima (PT), aumentou…

Delegado vence candidato petista em Vitória(ES)

Com 94,04% das urnas apurada, o candidato do Republicanos à prefeitura de…

Trump quer o FBI na investigação eleitoral dos EUA

O presidente dos EUA, Donald Trump, deu sua primeira entrevista pós-eleitoral, confirmando…