Bolsa Família deve liberar empréstimo de até R$ 1.000 com corte do auxílio

PUBLICIDADE

Para quem recebe o Bolsa Família, o governo federal está estudando a possibilidade de liberar um microcrédito entre R$ 500 e R$ 1.000 após o auxílio emergencial cuja vigência deve terminar ao final deste mês. O orçamento inicial do programa não deverá passar dos R$ 2 bilhões.

No momento, o governo busca definir a origem dos recursos para a liberação do empréstimo que poderá sair da União ou ainda da Caixa Econômica Federal. Caso o governo escolha em direcionar os recursos do orçamento para o programa, a proposta é que o fundo seja estruturado como nos moldes do Programa Nacional de Apoio às Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Pronampe).

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, que é o gestor do Bolsa Família, afirmou que as discussões sobre o microcrédito estão avançadas, porém disse também que é necessário que a medida seja analisada com muito cuidado para que o microcrédito não se torne algo que levará somente ao consumo imediato, sem o uso consciente dos recursos.

“Se todos os beneficiários do Bolsa Família receberem esse crédito automaticamente, sem ter acesso aos cursos de educação financeira e aos conceitos do microcrédito, isso se torna um crédito direto ao consumidor. E isso leva a uma inadimplência maior. Essa é uma modalidade de crédito consciente”, declarou o ministro.

Quem pode receber o Bolsa Família?

Têm direito de receber o Bolsa Família, as famílias que ganham renda mensal de até R$ 89 por pessoa. Também têm direito as famílias com renda mensal entre R$ 89,01 e R$ 178 por pessoa mas desde que tenham membros gestantes e/ou crianças e adolescentes de até 17 anos.

Como calcular a renda: é necessário somar todos os rendimentos e salários dos membros da família, que vivem na mesma casa, e dividir pelo número de pessoas da família.

As informações sãoEdital Concurso Brasil.

Leia Mais:

Compartilhe isso:

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *