Ultimas

96 pessoas são indiciadas por fraudes em São Paulo

PUBRNoticias
Escrito por PUBRNoticias em setembro 13, 2019
96 pessoas são indiciadas por fraudes em São Paulo
Junte-se a os outros

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A Polícia Federal indiciou nesta sexta-feira (13), 96 pessoas, entre prefeitos, empresários e servidores públicos de São Paulo. As acusações são por fraudes em licitações de merenda, uniforme e material escolar.

Os indiciamentos foram realizados no âmbito da Operação Prato Feito, deflagrada em maio de 2018 para investigar 5 organizações criminosas que atuaram em pelo menos 30 municípios do estado de São Paulo.

A operação cumpriu 154 mandados de busca e apreensão para investigar 65 contratos, cujos valores totais ultrapassavam R$ 1,6 bilhão.

As ordens foram expedidas pela 1ª Vara Federal Criminal da Capital e pelo Tribunal Regional Federal (TRF) da 3ª Região.

Polícia Federal indicou que dos 13 prefeitos, quatro tiveram seus mandatos cassados pelas Câmaras dos Vereadores de suas respectivas cidades.

A corporação pediu o afastamento de alguns gestores e agora aguarda manifestação do TRF-3 sobre as medidas cautelares.

Segundo uma apuração, a Polícia Federal concluiu que existe participação em crimes dos prefeitos de Mauá, Mongaguá, Embu das Artes, Cosmópolis, Laranjal Paulista, Registro, Pirassununga, Holambra, Barueri, Paulínia e Caconde.

Informação Conexão Politica.

Hey,

o que você achou deste conteúdo? Conte nos comentários.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *